O que é a Parentalidade Consciente?


Praticar uma parentalidade consciente significa começar a prestar mais atenção ao que somos, sentimos e necessitamos. Esse processo de auto-conhecimento abre caminho para a aceitação do nosso filho tal como é, tendo como intenção respeitar também as suas necessidades, a sua integridade e autenticidade, ao mesmo tempo que promovemos a responsabilidade pessoal.

Atenção! Parentalidade Consciente NÃO É uma parentalidade permissiva!

Quando praticamos parentalidade consciente, assumimos responsabilidade (liderança) na relação que temos com os nossos filhos. Esse foco na relação pressupõe uma educação que promova uma auto-estima saudável e bons encontros entre pais e filhos.

A abordagem da parentalidade consciente não se foca no comportamento da criança e não tem como intenção gerir ou controlar comportamentos. A intenção está em promover a verdadeira conexão entre pais e filhos, procurando entender as necessidades de ambos e comunicá-las de forma consciente e não-violenta, visando uma maior harmonia familiar.

A parentalidade consciente tem como base científica estudos ligados às neurociências, as teorias psicológicas da vinculação e da autodeterminação e a investigação em torno dos benefícios do Mindfulness. É, portanto, uma abordagem com fundamentação científica e com uma boa base de evidência empírica.

A parentalidade consciente é uma abordagem para ser usada em qualquer tipo de relacionamento: entre pais e filhos, entre o casal, entre alunos e professores, etc. Os princípios e valores da parentalidade consciente são transversais a qualquer relação interpessoal, por isso é que podemos praticar parentalidade consciente com qualquer pessoa!


Nota: As sessões de consultoria parental ou a professores, podem ser feitas presencialmente ou online, mediante marcação prévia.

Para mais informações ou marcações, contacte-me: zulima.maciel@gmail.com